Escolha uma Página

A CAMARADA KRUPSKAYA

nadez

Nadezhda Krupskaya foi uma educadora revolucionária no sentido da palavra. Nascida na cidade russa de San Petesburgo, em 1869, fez uma política bolchevique na área de educação, adotando uma pedagogia marxista pregando uma educação igual para todos independente de situação financeira e sexo.

Nascida em família nobre empobrecida, Nadezhda   aprendeu   desde cedo com o pai, os ensinamentos de Marx que, mais tarde ela repassou para a classe operária, o seu grande foco. Cresceu num ambiente de revolta contra o sistema político da Rússia.

Com a morte do pai, que era militar, ela resolveu lecionar para operários em horário noturno. E nessas atividades conheceu o revolucionário Vlademir Lênin e a afinidade entre eles foi instantânea. Casaram. Mas Nadezhda passou a ser conhecida não apenas como a mulher de Vlademir Lênin, mas, sobretudo, por preparar a Revolução Russa (1917 ). A sua participação foi essencial. Sua vida ficou marcada pelas diversas atividades políticas. Foi secretária do jornal político ISKRA, selecionando toda correspondência que atravessava o continente europeu e, muitas notícias eram codificadas.

Acusada de crime contra o Estado, foi exilada juntamente com o marido na Sibéria durante três anos. Posta em liberdade, fez palestras por toda Europa e escreveu o livro “Mulher Operária”. Morreu em 1939 em Moscou. Krupskaya é considerada uma boa camarada.







Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *