Escolha uma Página

ANJO DE HAMBURGO

 

 

Mulher bonita, culta e inteligente que soube usar todos esses predicados para sua si e para os outros. Salvou a vida de centenas de judeus do Holocausto na Alemanha desafiando as ordens do então Governo Vargas em 1930. Ela ajudou a fuga de famílias judias para o Brasil mesmo sabendo do alto risco.

Essa ousadia só foi possível, porque sendo poliglota, trabalhava no Consulado do Brasil em Hamburgo como chefe da Seção de Passaportes e testemunhou inconformada, a expulsão dos judeus das escolas, das faculdades, dos empregos, das suas casas por Hitler. Resolveu omitir algumas informações ao carimbar o passaporte e assim facilitava o embarque clandestino dos judeus para o Brasil. Por causa dessa corajosa atitude, ganhou o apelido de Anjo de Hamburgo.

Aracy Moebus de Carvalho Guimarães Rosa, ou simplesmente Aracy de Carvalho, nasceu em 1908, no Paraná, filha de pai brasileiro e mãe alemã. Falava português, alemão, francês e inglês. Casou e se separou. Resolveu morar na Alemanha levando o filho pequeno iniciando assim uma vida nova. E teve. No consulado conheceu o diplomata e escritor brasileiro Guimarães Rosa com quem se casou mais tarde.

De volta ao Brasil, o casal foi morar em São Paulo e foram felizes para sempre. Aracy morreu aos 102 anos de idade, 44 depois do marido escritor famoso.







Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *